segunda-feira, 16 de setembro de 2019

LIMPEZAS ENERGÉTICAS, BANIMENTO E FORÇA DIRECIONADA


Importantíssimo às limpezas, pois TODAS as limpezas são energéticas.
Mudamos a cada momento as nossas energias, dependendo de nosso estado de humor. Nossas energias são também modificadas quando estamos em locais de baixo ou alto padrão vibratório, ou com pessoas de vários segmentos da sociedade em que vivemos, além dos locais que entramos.
                                                         

Para isso, temos vários subterfúgios para sanar esses problemas, basta querer e ter força para enfrentar o problema com sanidade. Por que digo “sanidade”? Porque muitas pessoas estão tão firmes nas brumas escuras, que não percebem o emaranhado que estão.
Ao limparmos um local, nós ou pessoas, estamos realizando o banimento, o “descarrego”, a faxina física que se encaminha em preparo para o espiritual. Isso requer que tenhamos muitas vezes coragem, estrutura emocional e sabedoria.
Bem, comecemos de uma forma simples e básica:
1-      A LIMPEZA DE SEU LAR OU ESCRITÓRIO
 Doar objetos, roupas, bijuterias, móveis que não tenham utilidade, etc. Não tenha pena de doar ou jogar fora, inclusive os papéis velhos, jornais (hoje tem tudo na internet). Fazendo isso, vamos para a segunda parte.
2-      O BANIMENTO ESPIRITUAL
Antes de fazer o ritual, passe um pouco de azeite puro, no umbigo e peça a Deusa Athena, para protegê-la.
Precisamos de coisas básicas, como: Sal grosso; amônia; anil; erva guiné pipiu, sálvia; espada-de- são Jorge, aroeira. Incenso de sândalo, jasmim; essência de eucalipto num borrifador.
Faça uma VASSOURA com essas ervas, com exceção da sálvia, que utilizará depois.
Com a vassoura, sem tocar no chão, vá varrendo as paredes, o teto, desde o banheiro, até todos os cômodos da casa. Se a casa tiver dois andares, comece de cima para baixo, dizendo: “todo mal sai daqui agora, em nome das forças de luz!”
Ao acabar, coloque as folhas em um saco, para despachar em um mato, ou enterrar. Caso more na cidade, coloque no lixo.
Depois, faça um braseiro e vá colocando a sálvia, para defumar a casa, falando as mesmas palavras: “Todo mal, sai daqui agora, em nome das forças da luz!”
OBS: Se não souber fazer o braseiro, enrole a sálvia, com linhas de costura, fazendo um bastãozinho. Pode assim, ir queimando da forma anterior, dizendo: “Com a sálvia, vou banindo o que ficou de negativo, pois a força do bem poderosa, agora vem surgindo”
A etapa seguinte é varrer a casa toda de forma normal e passar com anil, a casa toda.
Coloque nos cantos da casa, taças ou copos de vidro, com sal grosso, aonde sinta que a energia nefasta, negativa, estava mais forte.
Pegue o borrifador e coloque a essência de eucalipto na água e vá borrifando TODAS as paredes.
Agora, coloque os incensos de sândalo ou jasmim.
 1-      BANHO PESSOAL
Após, tudo isso, tomará um banho de alecrim com um pouquinho de sal grosso, digo, três colheres de sopa, antes de tomar o banho com sabonete. Fique três minutos com o banho no corpo. Depois tome o banho normal. Não se esqueça de jogar água no box.

Esses procedimentos, pode fazer periodicamente. Caso, a casa não fique muito tempo limpa, deverá procurar uma sacerdotisa, para fazer um rito mais complexo.
Com Amor,
Alana Morgana Olw.






domingo, 11 de agosto de 2019

ANCESTRAIS NOSSO ETERNO VÍNCULO

ANCESTRAIS NOSSO ETERNO VÍNCULO
Para invocar os Ancestrais, precisamos estar em equilíbrio. O que são os Ancestrais? São aqueles nossos parentes, que vieram antes de nós, ou nossos parentes que conhecíamos e já partiram. Evidentemente temos uma longa viagem de ancestralidade, pois remota os inícios dos tempos. Quando fazemos um rito pessoal, podemos fazer para determinada pessoa, ou para todos os nossos ancestrais. Para que seja algo sem problemas, ao fazer a oração invocatória, ou seja, convidando, pedindo para vir, nesta oração, pedimos que o ancestral venha em harmonia e com amor, tranquilidade e benevolência. Por quê? Para que seja um ritual de tranquilidade, e conseguirmos uma interação.
Como vamos saber se eles estão ali? Muito simples. Vamos ativar nossas percepções. Há médiuns de canalização (recebe espíritos- em TODA religião há isso); psicografia, audição, visão, cheiro, toque, enfim, há muitos DONS. Todos nós nascemos com dons, uns maiores e outros menores, mas podemos ativa-los e aumentar estas capacidades. mas voltemos aos Antepassados, aos Ancestrais.
 Um ritual que seja para Antepassados, Ancestrais, deve somente fazer quem tem ou teve orientação de uma Mestra ou Mestre. Muita gente acredita que isso é bobagem, mas não é. Podemos atrair seres brincalhões, malvados, debochados. Abrirmos um portal é extremamente perigoso, até mesmo, para os mais experientes, por isso, bato sempre nesta mesma tecla. Podem me achar antiga, mas para isso há as instruções e as escolas de mistérios, para saber lidar e aprender os MISTÉRIOS. Os mistérios não pode ser lançado para os incautos ou imprudentes ao para o leigo, tem que ter um aprendizado.
 Em outras religiões têm altares dentro do Templo; os Antepassados os Ancestrais são e foram desde tempos imemoriais venerados, cuidados, cultuados. Há rituais extremamente complexos e há um simples, que posso ensinar agora:  Em um altar de pano branco ou com fios prateados (toalha), colocar os retratos de seus antepassados, pai, mãe, avós, etc. Oferte frutas (maçã), leite, pão e água. Pode colocar flores e incensos suaves, rosa branca, jasmim, verbena, laranja, violetas. Uma vela branca ou prateada.
Oração:
Abençoados sejam meus antepassados!
Recebam meu amor, respeito,consideração essas ofertas.
Que as forças divinas de luz, possam continuar em vossos caminhos.
Que quando chegar a minha vez, eu seja encaminhada aos lar do amor e luz!
Abençoados sejam!


Pronto! Está feito! Não terão problemas e estarão fazendo um rito de comunhão com eles.
Dentro da EAM- Nos estudos de formação de Bruxas (os) os Magistas, há o rito completo de Ancestralidade, Antepassados.
(21) 991790660 ou escoladeartesmagikas.com
Com Amor,
Suma Sacerdotisa Alana Morgana, a Bruxa.

terça-feira, 2 de julho de 2019

A DEUSA TRÍPLICE NA RELIGIÃO WICCA


A DEUSA tem Seus mistérios nas fases da Lua. No paganismo e principalmente na Religião Wicca, a Deusa é chamada de Tríplice, Deusa Tríplice.
Sempre é bom relembrar essa característica da Deusa. Ela É Jovem; Ela é Mãe; Ela é Anciã. Ela NUNCA morre, Ela se regenera, Ela e a Própria Natureza; Ela é o próprio Universo; Ela é a UNA.
Mas na concepção das fases da Lua, as religiões pagãs antigas a viam a Deusa, pois Ela tem as fases visíveis dela e a invisível, quando esta Negra. Mas falaremos depois.
Na Lua Nova e Crescente: Ela é a Donzela, aquela que tem o viço da juventude, a sexualidade, jovialidade, a brincadeira, o riso e o aprendizado. Ela é livre. Deusas que representam esta fase: Ártemis (grega); Diana (romana); Aine (Celta);  Kore (Grega)
Na Cheia: É a Mãe, com o carinho, a proteção, o amor maternal indiscutível. Quando está plena em extrema beleza, no ápice da sexualidade;  Sempre representada grávida, ou com filhinho nos braços, enaltecendo a fertilidade e o Deus que vem de seu sagrado ventre. Deméter (grega); Ísis (egípcia); Gaia (grega); Yemonja (africana); Venus Genetrix (romana); Hera (grega).
Minguante: A própria Anciã, aonde com o tempo decorrido, adquiriu a Sabedoria, o Conhecimento, a visão antecipada, pois já percorreu muitos caminhos. A Velha sábia, a que conhece os feitiços, a magia, o poder, a morte. Os Grande, profundos mistérios do Oculto, são DELA.
Mas vamos lembrar que Ela É, portanto ELA SEMPRE EXISTIU, Logo, tudo vem Dela e a Ela voltará. Por isso, a Deusa nunca morre, pois é a própria transmutação, Ela simplesmente É.
O interessante é que algumas Deusa têm este aspecto em si, os três, como a Deusa Hécate (grega);Morrighan (celta); Ísis (egípcia);
Falemos um pouco da Lua Negra, que está associada a Deusa Hécate e outros a Lilith. A Lua escura, aonde os mistérios estão intrínsecos Nela. 
 Desde a antiguidade, em quase todas as civilizações a Deusa se manifesta em diversas formas. Ela é mesma manifestada em cada região do planeta, em cada cultura, de uma forma, com seus ritos concernentes a cada lugar, assim como sua aparência. A Deusa é Única, Ela é Tudo. OTodo está Nela e Nela está o Todo.
EURÍNOME E A CRIAÇÃO
Aqueles que querem conhecer a Deusa é só olhar a mãe que lhe gerou, a vida e a procriação. Depois olhe o Universo e os demais infinitos universos, É ELA! Blessed be!
Com Amor,
Alana Morgana, a Bruxa




sexta-feira, 28 de junho de 2019

FORÇA, MAGIA DAS PLANTAS, PORQUÊ UTILIZAR?

Na verdade, muitos dos que aprenderam comigo, tiveram seu início na Arte de forma mais concreta, criticavam que eu focava muito nas plantas e ervas. Isso é verdade, pois acredito que a força da magia, mesmo em situações difíceis e de grande perigo, pode ser banida através delas. Mesmo espíritos malignos, maldições, presenças constantes, são encerradas com o manuseio e aplicação das ervas, plantas, etc.
Evidentemente, há uma grande parceria da ervas com símbolos, evocações e invocações; chamamentos de vários tipos e firmezas em assentamentos ou seguranças, seja o nome que se dê.
O Brasil, tem (ou tinha?) uma grande vastidão de ervas, plantas frutíferas, medicinais, etc (que o desmatamento sem noção, tem acabado com essa botânica).

As árvores antigas trazem lembranças, elementais existem nela,forças sagradas potentes, que auxiliam os seres humanos, protegem, mas também atacam.
Não existe planta má, negativa. Alguma servência ela tem.
Não podemos perder nossos elementais, vítimas da inconsequência humana. Mas voltando as ervas, podemos fazer amuletos, tomar banhos, defumações, fumigações, perfumes, remédios, cercas de casa, embelezamento com as flores,etc.
Quem já viu Bruxas sem utilização de ervas de forma diária? Aliás, comemos plantas, legumes, frutas, não é?
Os vidrinhos com poções de amor, saúde, sono, fertilidade, prosperidades, dinheiro e muito mais!
Devemos orar para as plantas, os riachos que se tornaram "valões", cujas fadas não existem mais, pois as fadas morrem! Os elementais morrem! Quem vai cuidar energeticamente delas, das plantas?

Quem disse que não existem?
As fadas, as ondinas, as sereias, as salamandras, os gnomos existem! Em cada região do planeta tem um nome.
Sabiam que a cebola albarrã se você andar com ela, afasta feitiços? Que um pedacinho de cedro na carteira atrai dinheiro? Que a castanha-da-índia, acaba com artrite, dores nas costas e reumatismo?
A nossa vida de metropolitanos, ou seja, que vive na "cidade grande", nos afasta desses seres tão maravilhosos? Como fazer para que eles se aproximem? Mesmo quem more em apartamento, pode ter seu jardinzinho, ou hortinha. Garanto, que eles vão se aproximar. 
Se colocarmos uma cebola normal, com alfinetes pretos na janela de casa, ou na frente da porta, afasta maus espíritos.
Mais outras dicas; Em casos de amor, a castanha do pará, envolvida em um saquinho de algodão verde ou rosa, atrai o amor; a bromélia, traz luxo e dinheiro; O jacinto ajuda amores gays; mas também afasta as mágoas e a depressão; A erva mate, traz amor, incentiva a luxúria!
Pois é, as ervas são a nossa base, pois estão sob os auspícios de Kore e Deméter, sobre a nossa casa e mãe Gaia.
Com isso, fecho este artigo, com as rainha dos mares, também com fauna e flora!
Blessed Anfitrite! 
Que a Deusa de Mil nomes e Formas nos abençoe!
Com Amor, Alana Morgana, a bruxa




TURMAS DE FORMAÇÃO DE BRUXAS ECLÉTICAS 2018

Os Anjos-Príncipes e os Dias da Semana Também chamados de GÊNIOS