terça-feira, 17 de abril de 2018

OSHO E O TANTRA

Desmitisficando o Tantra...Mas cuidado... Sabedoria e Conhecimento é imprescidível...

Saraha É o Fundador do Tantra
"Saraha nasceu cerca de dois séculos depois de Buda; ele estava na linhagem direta de um ramo diferente. Um ramo desce de Mahakashyapa até Bodhidharma, e o Zen nasce – e ainda está cheio de flores, esse ramo. Um outro ramo move-se de Buda até o seu filho, Rahul Bhadra, e de Rahul Bhadra até Sri Kirti, e de Sri Kirti até Saraha, e de Saraha até Nagarjuna – esse é o ramo do Tantra. Ainda está dando frutos no Tibete. O Tantra converteu o Tibete, e Saraha é o fundador do Tantra tal como Bodhidharma é o fundador do Zen. Bodhidharma conquistou a China, Coréia, Japão; Saraha conquistou o Tibete. 
Essas canções de Saraha são de grande beleza. Elas são a própria fundação do Tantra. Você primeiro terá de compreender a atitude do Tantra em relação à vida, à visão do Tantra. A coisa mais básica sobre o Tantra é esta – e muito radical, revolucionária, rebelde – a visão básica é que o mundo não está dividido em inferior e superior, mas que o mundo é um pedaço. O superior e o inferior estão de mãos dadas. O superior inclui o inferior e o inferior inclui o superior. O superior está escondido no inferior – então o inferior não tem de ser negado, não tem de ser condenado, não tem de ser destruído nem morto. O inferior deve ser transformado. O inferior tem de ser permitido a mover-se para cima...e o inferior torna-se o superior. Não há uma lacuna intransponível entre o diabo e Deus: o diabo está carregando Deus no fundo do seu coração. Uma vez que esse coração começa a funcionar, o diabo torna-se Deus. 
Essa é a razão pela qual a própria raiz da palavra diabo significa o mesmo que divino. A palavra diabo vem de divino; é o divino ainda não evoluído, só isso."
Osho, The Tantra Experience, Capítulo #1
O Tantra Diz, Primeiro Purifique o Corpo
"O Tantra diz, primeiro purifique o corpo – purifique-o de todas as repressões. Permita que a energia do corpo flua, remova os bloqueios. É muito difícil encontrar uma pessoa que não tenha bloqueios, é muito difícil encontrar uma pessoa cujo corpo não esteja tenso. Solte esse aperto, essa tensão está bloqueando a sua energia, o fluxo não pode ser possível com esta tensão. Porque é que todo o mundo está tão tenso? Porque é que você não consegue relaxar? Já viu um gato dormindo, cochilando de tarde? O quão simplesmente e lindamente o gato relaxa. Você não consegue da mesma forma: Você vira e se revira na sua cama; você não consegue relaxar. E a beleza do relaxamento do gato é que ele relaxa totalmente e ainda assim está perfeitamente alerta. Um movimento ligeiro no quarto e ele abre os olhos, ele saltará e estará pronto. Não é que esteja adormecido. O sono do gato é algo a ser aprendido, o homem se esqueceu. 
O Tantra diz: Aprenda dos gatos – como eles dormem, como eles relaxam, como eles vivem de um modo não tenso. O homem tem que aprender isso, porque o homem foi condicionado erradamente, o homem foi programado erradamente." 
Samadhi e Sexo São Ambos Expressões da Mesma Energia
"O Tao tem o seu próprio Tantra. A primeira coisa: O Tao nunca divide em inferior e superior, essa é a beleza dele. O momento que você divide a realidade em inferior e superior, você está se tornando esquizofrênico. O momento que você diz que algo é sagrado e algo é profano, você divide. O momento que você diz que algo é material e algo é espiritual, você dividiu, você separou a realidade. A realidade é uma. Ela expressa-se de várias formas: num nível como matéria, no outro nível como espiritual. O espiritual não é superior e o material não é o inferior – eles estão no mesmo nível. Essa é a atitude taoísta. A vida é uma. A existência é uma. É uma unicidade tremenda e não há avaliação.
A primeira coisa a abandonar no Tao é a dualidade. O sexo não é inferior e o samadhi não é superior. O samadhi e o sexo são duas expressões da mesma energia. Não há nada louvável sobre o samadhi e não há nada condenável sobre o sexo. A aceitação do Tao é total, absoluta. Não há nada errado com o corpo e não há nada de belo em relação ao espírito – ambos são belos. O diabo e Deus são um no Tao, céu e inferno são um no Tao, o bem e o mal são um no Tao – é a maior compreensão não-dualista. Não há condenação nem preparação. Preparar-se para quê: A pessoa simplesmente tem que relaxar e ser."
Osho, Tao: The Pathless Path, Vol. 2, Capítulo #4

O Tantra Confia em Você – Totalmente
“Esta visão do Tantra é uma das maiores visões alguma vez sonhada por um homem: uma religião sem o padre, uma religião sem o templo, uma religião sem a organização; uma religião que não destrói o indivíduo, mas sim respeita o indivíduo tremendamente, uma religião que confia no homem e mulher comuns. E essa confiança vai muito fundo. O Tantra confia no seu corpo; nenhuma outra religião confia no seu corpo. E quando as religiões não confiam no seu corpo, elas criam uma divisão entre você e o seu corpo. Elas tornam vocês inimigos dos seus corpos, elas começam a destruir a sabedoria do corpo. 
O Tantra confia no seu corpo. O Tantra confia nos seus sentidos. O Tantra confia na sua energia. O Tantra confia em você – totalmente. O Tantra não nega nada, mas transforma tudo. 
Como obter essa visão do Tantra? Este é o mapa para ligá-lo, e para virá-lo para dentro e para virá-lo para o além.
A primeira coisa é o corpo. O corpo é a sua base, o seu terreno, é onde você está enraizado. Torná-lo antagonista em relação ao seu corpo é destruir você, é tornar você esquizofrênico, é tornar você miserável, é criar o inferno. Você é o corpo. Claro que você é mais que o corpo, mas o 'mais' seguirá mais tarde. Primeiro, você é o corpo. O corpo é a sua verdade básica, então nunca seja contra o corpo. Sempre que você está contra o corpo, você está indo contra Deus. Sempre que você desrespeita o seu corpo, você está perdendo contacto com a realidade, porque o seu corpo é o seu contato, o seu corpo é a sua ponte. O seu corpo é o seu templo. 
O Tantra ensina reverência pelo corpo, amor, respeito pelo seu corpo, gratidão pelo seu corpo. O corpo é maravilhoso, é o maior dos mistérios." 
Osho, Tantric Transformation, Capítulo #7

 Portanto, diz ele (Osho):
"Os pensamentos são um oceano em torno de nós; existem independentemente de nós-sejamos apenas testemunhas. Por isso, o Tantra diz:
Aceite-me;
A maré baixa vem, é bela.
Grandes e fortes ondas tentam alcançar o Céu;
Tremenda energia- observe!
Então vem um oceano calmo, tranquilo,
E a Lua nele se reflete, bela-observe!
E, para observar, terá de permanecer inteiramente silencioso;
Os pensamentos podem continuar a vir à praia,
Batendo-se contra as rochas,
mas você permanecerá calmo e quieto,
eles não o afetarão."
Beijos mil!
Alana Morgana, a Bruxa

Um comentário:

TURMAS DE FORMAÇÃO DE BRUXAS ECLÉTICAS 2018

Os Anjos-Príncipes e os Dias da Semana Também chamados de GÊNIOS